MORDIDA – Bite

A música prova que nada é concreto,

numa narrativa tática e pouco sigilosa…

Ela agrega,

invade e  germina!

A música é um duelo em notas elevadas,

Um pote de dons vencidos pela persistência…

Ela desfia,

impele e contamina!

A música ilustra que o ontem é agora,

medo dentro de um estojo,  que abre e fecha sem parar.

Ela goteja,

seduz e insulta!

A música é tão foda que paralisa pensamentos,

mas só as cordas frouxas deixam de soar.

Ela desmama,

morde e desafina!

A música é tão perigosa que nunca se rompeu,

Embolada nos anos o começou do  fio se perdeu.

Abrasiva de zanga,  envolve!

Consumida de ânsia,  explode! A música…

Anúncios

14 comentários sobre “MORDIDA – Bite

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s