NÃO DIGA * Don’t say

 

ELEFANTE E HOMEM NADANDO

Não diga que vai,

se não pretende,  se não sabe o caminho…

Não diga que sim,

se pra você já era, já deu!

Não diga que adora,

se não tem mais pressa nem vontade.

Não diga que se importa,

se teu colo é escorregadio e estreito…

Não diga que acorda,

se teu sono é agudo e desmedido.

Não diga que acompanha,

se sempre marcha em linhas retas e decididas.

Não diga…  Não diga que  não é poesia,

porque não tem palavras,  porque  não faz barulho…

Não diga nunca,

porque os sonhos são do tamanho da tua idade…

Ana Teixeira – Setembro, 2017


19 comentários sobre “NÃO DIGA * Don’t say

  1. “Não diga que vai,
    se não pretende, se não sabe o caminho…
    Não diga que sim,
    se pra você já era, já deu!”

    esse trecho me lembra minha vida amorosa kkkk
    eu não entendo porque as pessoas dizem uma quando na verdade sentem outra.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s